quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

A CIÊNCIA DA RIQUEZA

A CIÊNCIA DA RIQUEZA


Na ciência da imaginação, deve-se primeiro procurar

discipliná-la ao invés de deixá-la agir desordenadamente. A ciência

é exigente da pureza. Ao se pesquisar um produto quimicamente

puro, faz-se necessário remover todos os traços de outras

substâncias, assim como também os materiais estranhos; enfim,

toda a escória.

Na ciência da imaginação, deve-se eliminar todas as

impurezas mentais, tais como inveja, o medo, a preocupação, o

ressentimento e a ambição. Toda a sua atenção deve ser

concentrada nos seus objetivos na vida, sem quaisquer desvios ou

distorções, objetivos esses que se resumem em levar uma vida

plena e feliz. Mantenha-se mentalmente absorvido pela realidade

dos seus desejos para que possa vê-los adquirirem forma material

em sua vida.

Um empresário bem sucedido que, ao chegar em casa, se

permite dominar por imagens mentais de fracasso, vê suas

prateleiras vazias, imagina-se à beira da falência e se alarma com

a indisponibilidade de recursos em sua conta bancária. Imagina até

que seu negócio está a ponto de fechar quando, na realidade, está

em franca prosperidade. Não há qualquer vestígio de verdade em

tal imagem mental; em outras palavras, as coisas que o apavoram

apenas existem em sua imaginação. O fracasso jamais virá a se

concretizar, a menos que conserve aquela imagem mórbida

sobrecarregada pelo sentimento de medo. A pessoa que

freqüentemente se permite dominar por tal imagem mental está

fadada ao fracasso. Ao lhe ser dada a opção entre o fracasso e o

êxito, tenderá a se pronunciar pelo primeiro.

Insira imediatamente em sua mente imagens mentais, idéias

e pensamentos que lhe propiciem saúde, benefícios, prosperidade,

inspiração e que o fortaleçam. Você se transforma naquilo que

imagina ser. A imaginação constante é suficiente para refazer a

sua vida. Confie nas leis da sua mente para que o bem se

concretize e para que venha a experimentar todas as benesses e

riquezas da vida.
 
1001 Maneiras de Enriquecer


Joseph Murphy Ph.D.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário